domingo, 18 de novembro de 2012







Trecho de uma história

...caminhando entre tantos devaneios, certos gracejos a trouxe de volta. Notou algo estranho nos olhares dos que a surpreendiam. Eram gracejos, estava sendo paquerada, desejada. Ao compreender o que acontecia, alegra-se, por sentir-se ainda viva.

Atravessando a rua um vento calmoso e um tanto malicioso faz seu vestido subir. Ela fingindo total desconhecimento do fato permite-se a extravagância de deixar a saia subir, deixando a vista a peça intima e segue assim seu caminho, permitindo olhares à deriva.

“O sofrimento poli a alma e isso se reflete em estado de espirito”
                                                                                       
Fim.


 Sandra Freitas
São Paulo, 18 de Novembro de 2012.



Nenhum comentário:

Postar um comentário