quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Tola








...estava pensativa. Em três por quatro, desmembrava o assoalho. Quem sabe o destruindo, conseguiria conter o caminho; atrasando por fim as tarefas do dia. Era nisso que acreditava. Uma situação dentro do controle era o que se via, mas o terror a tomava. Uma boboca. Tola! O novo a assombrava.










Nenhum comentário:

Postar um comentário