terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Era uma vez o que aconteceu

Fatos em rastros na memória e no corpo fizeram assombros
Um ponto final almejado, surpreendeu o anonimato
Vigilantes argueiros eram guerreiros, derribando cidades inteiras

                       Foi assim ao te ver,
Céu escureceu
                            Ar faltou
Coração suspirou da beleza do amor



Sandra Frietha
São Paulo, 26 de fevereiro de 2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário