segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

O rock’nroll nunca vai morrer





Uma certa calmaria paira aos primeiros acordes de “My, My. Hey, Hey”, música  onde Neil Yong destrincha a  verdade mais absoluta… “Rock and roll is here to stay”
Não é necessário ter espirito suicida. De forma alguma. Que sejam de aspecto aborrecido. Contraventor da cultura submissa. Não, não é preciso!
Mas que se permitam a vazão a loucura, a quebra de sigilos. A ruptura dos sentidos.
 Dizem que para cada tipo de sofrimento, há uma recompensa.
 Para quem não sabe ou  torce o nariz, herdeiros musical somos de uma forçosa cultura, cujo veneno ainda rasteja em nossas veias e o prejuízo paira sobre muitos – a exclusão  racial, étnica .  Em senzalas, acorrentadas, maltratadas, eram mantidas as alma dos pioneiros desse gênero enlouquecedor,  o Rock’nRoll.
Vivos há no cenário, lendas, remanescentes do inconformismo. Contestadores. Aos olhos do Estado  – transgressores.
Dou o maior valor aos que conheço e tenho por amigos.
Temos em nossas mãos o que foi conquistado através de lamentos, antes, o único argumento.
Das safadezas imaginárias dentro da saia da garota, ao trabalho oprimido no campo e sonho de liberdade, hoje somos envolvidos por barulhentas guitarras, antes, gritos de cativos.
O  ator e músico Elvis Presley,  ou para os mais intímos; “Elvis The Pelvis”, titulo angariado por seu gingado, levou o crédito de “Rei do rock, mas sabemos que do Bebop ao Blues. – O rock, tem a negritude em sua árvore genealógica.
Daí, você prefere andar  com a cara do John Moskovitz (?). Só um paradoxo aos que  insistem  que a igualdade esta na produção em massa.
Não a nós, mas de onde tudo se originou, é importante  que haja reverência à alguns nomes como o dos guitarristas Buddy Guy,  Muddy Waters,  onde uma de suas canções  “Rolling Stones”,  foi subtraído, dando o nome a uma das bandas mais satisfaction.   À eles consagremos sempre seu legitimo valor.

 Que sejamos sempre ousados e criativos para que jamais o rock ‘n’ roll ande órfão de seus filhos.


Publicado no site Puta Letra - 08/11/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário