terça-feira, 30 de setembro de 2014

Passa-se o Ponto








Cada mal, leva seu dia.
Em uma época de aberrações improbitáveis

a falência cognitiva.










Nenhum comentário:

Postar um comentário