quinta-feira, 7 de maio de 2015

Sensual






Shii! Não faça tanto barulho ou irão nos ouvir! (falava expressando no canto da boca a  cobiça da conquista).
Não houve tempo ao menos de tirar a calcinha. Adorno de infindas expectativas, posta em retalhos ficou hasteada entre as  pernas  aflitas  da donzela.
Esboçando manha,  ela sussurra em seu ouvido - vem comigo? Vendo o se  dispersar com a animação dos convivas.
Quartos emanam delírios.
Reprimidos sentidos.
Corpos jazem sobre mortos remotos.

A rotina evade a iniciativa, e entre portas trancafiadas em outros braços ela se viu obrigada a denegrir a santa do lar, imagem que tinha.









Um comentário:

  1. Comentário postado no site Recanto das Letras

    30/03/2015 21:06 - Ricardo Lispector
    "... entre portas trancafiadas em outros braços ela se viu obrigada a denegrir a santa do lar..." Excelente! Realmente muito bom. Meus parabéns!

    30/03/2015 21:03 - Rick Jones Anderson
    Muito Delicioso Querida! Tenha Uma Bela Páscoa e Ótima Semana Querida!

    ResponderExcluir